segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Novo Ano Novo

Final de ano me deixa tensa. Mesmo fazendo um esforço enorme para relaxar e curtir o momento, não dá, não consigo. Então, para não inundar as telas de vocês com textos depressivos, ou mal-humorados, ou os dois, fiz um pequeno “recesso literário bloguístico”.

2011!

E eis que 2011 inicia! Esse ano tem tudo para ser um bom ano, um ano novo, de fato.

Muito estranho, mas sinto uma espécie de renascimento. Mesmo sem mudanças significativas no meu estilo de vida, me sinto mais livre, mais feliz e mais otimista.

O Novo.

O novo é limpo e fresco.

Suave, sem cicatrizes.

Misterioso... e belo!

Instigante, motivador, amedrontador.

Meu futuro é novo.

Uma agradável incerteza.

Pretensão de ser feliz, apenas.

Pode ser pueril, mas me sinto assim. Completo novo aos trinta é exagero, já são muitas cicatrizes acumuladas... Mas, de repente, parece que essas cicatrizes se uniram, formando uma bela tatuagem, um desenho de uma vida distante.


Andreia escreve esporadicamente, e, mesmo evitando promessas de início de ano, pretende ser mais presente em 2011.

Um comentário:

Kel disse...

Olá, esse seu post tem tanto a vêr com meu momento, vc se importaria se eu copiar ?
Tenha uma ano repleto de felicidades e realizações.
Bjs

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...