quarta-feira, 15 de junho de 2011

Noite Insone

Quase de manhã, e eu ainda acordada, já sem possibilidade de dormir, mesmo se o sono aparecer... Uma noite rápida e desatenta, que só produziu pensamentos aleatórios, como estes, que compartilho com vocês:

-O conceito de justiça é relativo, depende de quem se sente injustiçado.

Sinto-me injustiçada com a forma de como serei avaliada, e de não poder publicar o porquê disso...

- Algumas meninices se manifestam também na era balzaquiana.

É tão fofinho o ! Se eu não me sentisse tão retardada cada vez que uso... ♥♥♥

- O ano de 365 dias, deveria ter dias de 36 horas!

As noites insones se tornaram mais frequentes. Não sei mais quando termina um dia e recomeça outro. Só sei que estou atrasada! Será que de Alice virei o Coelho Branco?

-Sou tímida!

Sim, sou e muito. Na vida pessoal, muitas vezes, me escondo no escudo virtual. Na profissional, através de imagens consistentes. Mas eu, ao vivo, somente eu, tremo ao encarar olhares... Ainda mais se vierem acompanhados de algum tom de crítica.

- Invejo pessoas práticas e objetivas:

Uma noite produtiva seguida de dois dias vazios é gratificante na hora, fico empolgada me achando uma gênia criativa, mas depois... Apenas desgaste, frustração e ansiedade.

-A intelectualidade NÂO é inversamente proporcional à capacidade sentimental:

Sou ser humano! E uma mulher! E canceriana! E sonhadora! E delicada! E carinhosa! E sensível!
Pensar de forma não convencional, usar óculos, entender de internet e ter certa capacidade analítica não anula meu lado emotivo.

-Eu gosto de você, de verdade!

Bem, essa sacada não é de hoje... E não é de hoje que não sei como agir... E pensava que, quando eu fosse balzaquiana, as questões amorosas seriam mais fáceis... Vocês também pensavam isso?

♥♥♥

Andreia escreve esporadicamente, mas frequentemente enfrenta noites insones improdutivas de pensamentos acelerados.

4 comentários:

Andréia B. Borba disse...

Andréia, querida, simplesmente fantástico esse texto!
Preciso dizer que me identifiquei com quase todo ele...Hehehehe!
Posso pedir uma coisinha besta?
Como se faz o coraçãozinho???
Eu tb amo ele...mas não sei fazer... Hehehehe! Bjs querida! Déia

andreia disse...

Oi Deia!
Que bom que gostou e se identificou!

O coraçãozinho, no face é bem simples, só <3! (não funcionou aqui...)
Outra opção é apertar alt+3 numérico (que foi o que funcionou aqui).
Senão, o bom o velho ctrlC+ ctrlV...hahahahah

:)

beijos!

Andréia B. Borba disse...

Hehehehehe! Quanto ao ctrl + alt + v eu não tinha pensado nisso.... Hehehehehe!
Grata pelas dicas!
Ah! E adorei o post sim!
Bjão!
Déia

Anônimo disse...

Lindo texto!!! E como canceriana, não tenho como não me identificar...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...