quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Que país é este?


Um fantasma do passado, a censura, tem assombrado nosso país, disfarçado de defensor da moral e dos bons costumes (ou do pleito democrático).

Estou delirando?

Recentemente, um juiz eleitoral pretendia suspender o Facebook no Brasil por 24h (aqui). Esta semana, outra notícia do gênero, um outro juiz eleitoral quer prender o diretor do Google, e suspender tanto o Google quanto o Youtube por 24h em um estado (aqui). Ah, e um deputado quer proibir um filme blockbuster (aqui).

Há algo de muito errado na nossa sociedade, ou o problema sou eu? Estou em algum surto psicótico e tudo o que vejo não é real?

  • Violência e drogas nas novelas (em canal de transmissão aberta) estão liberados?
  • Sátira a políticos em programas humorísticos nas noites de sábado também, o problema é quando são feitas na internet?
  • Há décadas, palavrões em programas de auditório nas tardes de domingo são considerados "diversão saudável" para a família brasileira?
  • Um canal religioso, em rede de TV aberta, que condena outras religiões, está de acordo com os preceitos de um país laico?
  • Culpar os ateus pela violência urbana não ofende ninguém?
  • Se o estuprador não estiver visível, não há incentivo ao estupro? (segundo a lógica de repetitivos comerciais de cerveja livres de qualquer censura)
  • A Voz do Brasil (um programa de rádio obrigatório para divulgar notícias sobre o governo) representa a liberdade da nossa imprensa?
  • Divulgar os vereadores favoráveis à construção de um hotel-resort numa praia é nocivo?
  • Veicular um vídeo no Youtube (ou seja, um vídeo opcional, que ninguém é obrigado a ver, e que a grande maioria da população nem sabia da existência, já que não se transformou em viral) satirizando um candidato é uma ofensa sem precedentes, passível de prisão? 
  • Na televisão aberta, quando um candidato se sente ofendido, normalmente a pena é uma retratação, um direito de resposta no canal infrator, mas, para a internet, a solução é retirar do ar o canal? (Ops, não o canal, mas o Youtube inteiro! E o Google! Por 24 horas! Fazendo um paralelo com a TV, seria como tirar do ar todos os canais da rede aberta e confiscar os controles remotos dos aparelhos de TV por um dia inteiro.) 
  • Um deputado pode levar o filho de 11 anos para assistir a um filme com censura de 16 anos?  
  • Um urso de pelúcia falante - tão realístico! - num filme anunciado como politicamente incorreto e devidamente censurado, em exibição nos cinemas (ou seja, vai quem quer e quem estiver disposto a pagar), tem o poder de corromper a sociedade brasileira, mas as novelas, com cenas violentas e de humilhação, exibidas na TV aberta, acessíveis a qualquer pessoa com um aparelho eletrônico que capte o sinal (televisão, alguns modelos de celulares e outros aparelhos eletrônicos diversos), não?


QUE PAÍS É ESTE?




A letra dessa música é uma balzaca de 34 aninhos. Crescemos com este som! Não este do link, mas o original, do Legião Urbana - prefiro Paralamas do Sucesso, ok? Não me julguem. Apesar da nossa constituição ser outra e do conceito de "terceiro mundo" estar obsoleto, a "sujeira" continua por todo o lado e o Brasil ainda é o país do futuro... Ironicamente, vivemos o futuro desse passado da canção. Que futuro realmente queremos? Seria este que o nosso presente indica?


Andreia escreve esporadicamente, mas frequentemente se pergunta: 
Que país é este? 


***Nosso blog não é político, não apoia ou reprova qualquer candidato. As opiniões expressas neste post são reflexões pessoais de uma das escritoras diante da realidade nacional publicada nos jornais. Apenas isto.***


4 comentários:

Das coisas que vejo e gosto. disse...

Adoreeeei!!!!

Concordo com você!

Belo texto!

Selma

andreia disse...

Obrigada!!!!

E que bom que não estou sozinha neste pensamento!

beijinhos

Angel disse...

Ótimas pontuações Andreia! As novelas realmente estão propagando os mais desprezíveis sentimentos e comportamentos. Estou contigo e não abro!

Nana disse...

Infelizmente, a inversão de valores está tão enraizada em nossa sociedade que a crítica saudável vira preconceito e o absurdo se torna normal. Bj e fk c Deus.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...