quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Montanha russa

Sabe quando a textura bem cremosa da espuma do seu café expresso te faz muito, muito feliz?

Pollyanna, me abraça?

Mas aí você vê uma lasca no seu esmalte que te faz reconsiderar todas as suas escolhas dos últimos 10 anos com lágrimas nos olhos?

Ó vida. Ó azar.

É, minha vida é muito estranha.

Ultimamente tem sido difícil sair da cama. O sono que me persegue tem toda uma coisa pré-zumbi-vou-comer-o-seu-cérebro.

Ai eu venço toda essa inércia matutina com muito esforço, vou pro trabalho e quase faço uma dança de felicidade no meio do expediente só porque o cara da movelaria me disse que eu posso ir lá fábrica dele e escolher qualquer retalho de madeira que eu quiser DE GRAÇA.

Isso diz alguma coisa sobre a minha vida?

Acho meu mundo deveras bipolar.

Oi? Como é que se sobrevive a essa montanha-russa emocional?
E olha que eu nem me considero uma pessoa emocional.

Viram? Viram?

Milena escreve aqui quase todas as quintas. Mas só quanto está no alto da montanha russa.

4 comentários:

Cláudia Resende disse...

Entrei pra conhecer seu blog (adorei e já estou seguindo!) e te convidar pra conhecer o meu. Espero que goste!
Bjo
http://www.dicasesuor.blogspot.com/

Amélie Poulain disse...

Amei!!!! Essa ai sou eu tb...Socorro!! hahaaahhahhaha

O blog de vcs é o máximo!!!
Amei!!!!

Beijocas!

Renata disse...

Amei o texto, sua bipolar querida! Hahahaha!
Beijo!

Maria Carolina de Pádua disse...

Ah Mi... não exija tanto de si mesma, hoje em dia tá assim, é tanta coisa, tanta informação, tantas necessidades que temos, que viver numa montanha russa emocional vem se tornando regra... que atire a primeira pedra quem não é bipolar!
Te adoro!
Beijos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...