terça-feira, 1 de março de 2011

O queridinho

Quem é mulher sabe que a gente corre o dia inteiro, geralmente de salto, pra dar conta de inúmeras tarefas, falando ao celular, comparando os preços daquela sandália “de morrer”, dando sempre uma checada no visual quando passa numa vitrine ou espelho, enfrentando o trânsito cada vez mais irritante, com um sorriso no rosto!

Mas essa disposição é fortemente abalada quando a bexiga está para explodir e não se vê nem sombra de um banheiro público decente. Ou mesmo de um nem tão decente.

As sortudas, nesta hora, não estarão num engarrafamento a quilômetros de casa ou de uma vaga para estacionar. Não, elas estarão no paraíso: o shopping!

Sim, lá onde os banheiros todos têm tranca e quase sempre há papel higiênico! Se não tiver, não há problema: a gente sempre tem lencinhos da bolsa!

Todas já devem ter passado por isso: equilibrando bolsa, casaco, sombrinha, segurando o xixi e o bom humor, entrar no banheiro e encontrar ele, o mais queridinho objeto nesta hora: o gancho!

Gente, que maravilha um gancho no banheiro! Você põe organizadamente seus pertences para este gentil cavalheiro segurar e pode se aliviar sem brincar de malabarismo e sem arriscar colocar seus bens queridos no chão imundo! É uma maravilha saber que alguém, na hora de projetar e construir, pensou em uma situação real de alguém real, indo ao banheiro por uma necessidade real !

Um objeto tão pequeno, tão simples, pode trazer tanta alegria! É o símbolo da consideração pelas pessoas! E quando há, além do gancho, uma pequena prateleira para livros... é quase orgástico!

Renata tenta levar o dia a dia com menos seriedade. Nuns dias é mais fácil, noutros, há muita gente tentando tirá-la do sério.

Vamos torcer que os dias leves sejam mais comuns que os outros!

7 comentários:

Carla disse...

Hahahaha, adorei !!
Com certeza Renata o gancho é um queridinho e santo milagroso na hora do aperto.


beijos

andreiaborba disse...

Rê, perfeito!
Realmente nunca pensei em quão importante o gancho de um banheiro público é.
Façamos uma "ode ao gancho"! ;-)
Bjs!
Déia

Otávio Ruivo disse...

Báh, gente, que "gancho" é esse?
Eu realmente não faço a menor ideia... (mas tô rindo até agora, visualizando cenas incríveis em situações aterradoramente engraçadas, imaginando o que seria esse tal de "gancho"). Vejo até gente pendurada...
Desculpa, mas nunca vi ganchos nos banheiros masculinos, ehehehe.

Felipe disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Felipe disse...

Simplicidade nas mulheres hehe

Renata disse...

Bem se vê que os meninos não apreciam a importância de um ganho! A beleza de ser mulher! Rsrssr!

Advokete disse...

Realmente, viva o gancho!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...