sábado, 19 de abril de 2008

Se entrar areia... faça um castelinho!

No último feriado fui para uma casa de praia com a parentada do meu namorado.
Na última hora descobrimos que a energia estava cortada e resolvemos ir assim mesmo, quer dizer, os mais empolgados resolveram ir e eu não quis ser estraga prazeres.
Pensei logo “aff... que programa de índio!!! Mas fazer o que né? Melhor não contrariar gente doida”.
Fomos prevenidos, levamos repelente além de muito gelo e é claro, velas...
Foi como se estivéssemos acampando, com a vantagem de ser no conforto de uma casa.
Assim que chegamos mais um imprevisto, a chave da dispensa não estava junto com as outras.
Tivemos que pedir uma vassoura emprestada na casa de um vizinho, mas ela soltava tanto pelo que sujava mais do que limpava, no final das contas tacamos água em tudo e pedimos um rodo emprestado para outro vizinho.
Acabou dando certo e no dia seguinte compramos uma vassoura para segurar as pontas até irmos embora.
Me surpreendi com meu bom humor, ao invés de morrer de ódio e dizer “bem que achei que ia ser uma furada”, só dava vontade de rir de cada imprevisto que acontecia.
A praia, os churrascos e as conversas à luz de velas valeram à pena mesmo quando a carne saía salgada demais ou surgia alguma discussão de bêbado.
Aprendi que quem diria, eu, a mais tensa das criaturas, consigo relaxar e rir dos problemas!!!! Gente será que consigo fazer isso de novo?? Vou pelo menos tentar né?


Louise é fria e calculista, não consegue fazer nada sem planejar, mas se os planos forem por água abaixo, não quer mais se afogar com eles.

3 comentários:

Angel disse...

Eu também estou precisando de viver situações que "abomino" para aprender a lidar com algo fora de minha rotina, do meu normal.

Isso é evolução! Parabéns!

Bjos!

Liz disse...

Oi adorei o seu texto. Tb sou parecida com vc, tudo tem q ser planejado, odeio programa de indio hehe. Mas as vezes é so relaxar um pouquinho que tudo dar certo né?
beijos

Laeticia disse...

PI cinco machadinhas. Quem nunca entrou numa furada que atire a primeira pedra. Já quase apanhei diversas vezes por começar a rir nestas horas! hehe Mas é o melhor a fazer mesmo.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...