sexta-feira, 30 de maio de 2008

O Primeiro Encontro das Mulheres de 30

Como já foi dito aqui um monte de vezes, durante o último feriado foi o Primeiro Encontro das Mulheres de 30. Eu estava super ansiosa, porque não via a maioria delas fazia tempo, e ainda tinha a Gi, que eu não conhecia pessoalmente.

A primeira que chegou foi a Renata. Embora já fizesse mais de 2 anos que eu tinha visto a Renata pela única vez, quando ela se hospedou uma semana na minha casa em SJC, a gente sempre manteve contato por mail e MSN. Então, quando fui buscá-la no ponto do ônibus que vinha pro aeroporto, parecia que eu estava indo buscar alguém que nunca tinha ficado muito tempo longe.

No dia seguinte fomos passear em BH, e liguei pra Angel encontrar com a gente. Eu não via a Angel desde o chá de panela da minha irmã, que está casada já faz um tempinho bom. Laeticia a conheceu numa época que trabalharam juntas, ela veio em casa algumas vezes, mas aquela sensação de estar encontrando uma amiga foi mesmo naquele dia, na Pampulha, fazendo turismo com a Renata. Depois ela nos levou a uma confeitaria maravilhosa, onde ela come os famosos brigadeiros, e quando foi embora, Renata e eu fomos encontrar Milena, Gi e o namorado da Gi num restaurante em BH mesmo.

Eu também não via a Milena fazia tempo. Depois que ela se mudou (nós dividimos apartamento em SJC por um bom tempo) nos vimos só uma vez. Mas foi como se o tempo nunca tivesse passado, e quando ela me apresentou pra Gi, foi como estar sendo apresentada pra uma amiga de longa data.

No dia seguinte fomos cedo pra Inhotim passear, e pegamos a Tânia no meio do caminho. Era outra que, mesmo morando perto, fazia muitos anos que eu não via. E de novo foi como se estivesse reencontrando alguém que tinha visto na véspera. Colocamos os assuntos em dia, ganhei presente, e depois ela veio aqui pra casa, pra ficar já pro churrasco do dia seguinte. À noite fomos ao Shopping, e de lá íamos ao supermercado fazer as compras do churrasco. Lá encontramos Vanessa com a família. Vanessa eu vejo com mais freqüência desde sempre, mas é sempre muito bom estar com ela. A Maria Fernanda fez o maior sucesso com todas as Mulheres de 30 que estavam lá, e aí parecia cada vez mais que todas éramos amigas de longa data.

No dia seguinte chegaram a Angel, Laeticia e Vanessa (com Maria Fernanda, pro delírio da mulherada que deixou o instinto maternal correr solto). Além de nós tinha minha mãe e alguns acompanhantes. Mas o que eu adorei mesmo foi ver que aquelas amigas que não via fazia tempo nunca deixaram de estar perto. A única das Mulheres de 30 que eu não conhecia, a Gi, foi como se fosse também amiga de anos. Adorei as conversas de noite na hora de dormir. Adorei as fotos tiradas o tempo todo. Adorei as compras juntas para o churrasco. Adorei receber estas pessoas na minha casa. E sei que essa proximidade, essa coisa de ficar à vontade, se deve mesmo ao fato da gente estar abrindo sempre o coração aqui no blog. O blog aproximou esse grupo formando mesmo uma turma de amigas. Todas nós ficamos com aquele gostinho de “vamos marcar o próximo”. E agora eu tenho a sensação que o blog não é apenas nosso divã. É também a mesa de bar onde a gente faz amizade, é o colo e cafuné que faz a gente se sentir amparada, é a piada que faz a gente rir. Assim, deixo um recadinho para as que não puderam vir, de que elas fizeram muita falta. Pro nosso encontro ser melhor do que foi, só se estivéssemos todas presentes. E fica o convite pro próximo, que a gente ainda não sabe quando nem onde vai ser, mas que se depender de vontade, já está garantido.

Pra finalizar, deixo aqui a receita do Bolo de Pão de Queijo que fez sucesso no primeiro café da manhã do encontro, e prometo que em outra oportunidade eu posto a receita da batida de chocolate que mamãe fez e todo mundo adorou.

Bolo de Pão de Queijo

3 copos de polvilho doce;
3 ovos;
1/2 copo de óleo;
1 copo de água;
250 g queijo prato picado;
1 colher (sopa) de fermento;
1 colher (chá) de sal;
50 gr. queijo ralado para polvilhar.
Bate no liquidificador os ovos, óleo, água, sal; depois o queijo junto prá agregar, vira na tigela, acrescenta fermento e polvilho. Assar em forno quente por aproximadamente 30 minutos, em forma untada com óleo e enfarinhada com polvilho.



Sisa adorou o encontro do feriado, e espera de coração que muitos outros aconteçam, de preferência com a presença de todas. Adorou receber as amigas em casa, e achou que a casa ficou quieta demais depois que todo mundo foi embora.

5 comentários:

Renata disse...

Também tive a impressão de conhecer todas as meninas, me senti muito à vontade com todas! E na sua casa, então, nem se fala! E olha que sou meio bicho do mato! Rsrsrs!
Adorei o encontro e mal posso esperar o próximo!
Beijão!!
Valeu pela receita, vou tentar fazer!

Angel disse...

Foi mesmo um encontro ótimo!
Adorei tudo e todos!
Como vc mesma disse, só pode melhorar se estivermos todas juntas no próximo encontro. Tomara que sim!

Me senti muito à vontade também, como se estivesse revendo uma turma de colegiais...

Beijos!

Carla disse...

Pelo que todas falaram foi maravilhoso!!!

Foi uma pena não ter podido ir...

Mas com certeza no próximo estarei!!!

vanandram disse...

Engraçado, Sisa, você colocou aí no blog exatamente as mesmas impressões que eu tive e acredito que as das meninas também. FOI BOM DEMAIS! E quem não foi fez muita falta!
Bjs a todas,
Vanessa.

Tania disse...

Ciça,
Também adorei tudo e todos! Foi um verdadeiro programa família!
Beijos,
Tania

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...