terça-feira, 24 de junho de 2008

Faxineiras... como entendê-las?

eTenho dificuldades explícitas em entender faxineiras. São raras aquelas que podem ser consideradas boas porque ótima não existe. Ainda mais agora que Dona Leo partiu dessa pra melhor.

Para esclarecer, Dona Leo (Leonilda) era uma senhora que trabalhava como faxineira em uma empresa em que já prestei serviços. Agora abram bem os olhos para ler isso: ELA ERA PERFEITA NO QUE FAZIA. É verdade! Nunca vi nem verei coisa igual. Dava até raiva de tão boa! Fez faxina aqui em casa umas três vezes. O suficiente para eu considerar qualquer outra mortal o “ó do borogodó”. Talvez por sua perfeição, Deus deve ter pensado: os melhores devem dar exemplo e tirar logo o time de campo, além do que, o céu está precisando de um trato, vem pra cá dona Leo! E ela foi, da noite para o dia. E eu pergunto: alguém conseguiu aprender alguma coisa com ela? Temo que não. Sortudo é Deus, com esse anjo da limpeza ao lado dele!

Esse post é também um pedido de socorro. Alguém tem de me ajudar a entender certas situações:

Por que as benditas faxineiras não limpam controles remotos? (?????? Que coisa irritante!)

Por que elas não limpam os espelhos dos interruptores? (????????)

Aqui em casa tem uma pia de banheiro que é grandinha. Tem algumas coisas em cima (não se assustem, não chega nem perto de camarim de vedete...). Por que as faxineiras limpam a pia e não limpam o que está em cima da pia? (??????????)

Por que elas se chateiam quando pedimos que algo seja feito de forma diferente?

Por que elas “fazem bico” quando pedimos para fechar a torneira enquanto esfrega o chão? (com a devida explicação sobre economia de água) (????????????????????)

Por que algum ser inteligente ainda não inventou um curso superior para formar profissionais da faxina? (????????????????????????????????????????????????) Poderia intitular-se “Tecnólogo em Organização e Higienização Doméstica” ou “Limpologia* Doméstica” ou ainda “Ciências Higiênicas” (esses dois últimos formariam Bacharéis, tudo de melhor!). Creiam, eu me arriscaria nesse vestibular.

Vivo a me questionar sobre isso tudo, em vão. Não encontro resposta que valha.

Hoje começou uma nova faxineira em casa. Já tive de ordenar as prateleiras do banheiro, tenho de organizar meu quarto e inspecionar o que foi feito para, assim, apontar as melhorias na próxima semana, rezando para que ela me entenda e me atenda.

Também tenho de rezar para o Ringo (o homem da casa, meu cachorro aspirante a boi, quase meu irmão) simpatizar com ela, senão danou-se!

Quem conheceu Dona Leo, como eu, torce para que um especialista em robótica desenvolva um robô faxineiro (nem que seja para o próximo século) que alcance pelo menos 80% da eficiência dela. Igualar-se a ela nem um robô, nem um mortal conseguiria. Jogaram a forma fora, meninas!

*Limpologia é uma palavra inventada por mim especialmente para este post.

Angélica aprecia uma casa bem cuidada e limpa em todos os seus detalhes.

Considera as faxineiras seres de difícil compreensão.

E lamenta que a Top of Mind da categoria (Dona Leo) não tenha deixado um clone por aqui.

14 comentários:

Gisele Lins disse...

Sensacional, soberbo post Angel. Você pegou em um dos meus pontos mais fracos: EU TENHO MUITOS PROBLEMAS COM FAXINEIRAS!!!! E adoraria muito que inventassem logo esse tal curso, viu? Eu não me importaria nada em ter que pagar mais por alguém formado na área, mas que REALMENTE RESOLVA MEUS PROBLEMAS DOMÉSTICOS (até hoje só tomei tufos com esta filosofia e acabei pagando mais caro pra me incomodar ainda mais). Prometo que ainda vou escrever sobre isso também, obrigada pela inspiração!
Um beijão!

Damine disse...

Nossa!
Excelente post!
Dou Graças a Deus por minha faxineira ser boa. Só é um pouco desajeitada. Se bem que na minha casa mesmo, nenhum desastre ainda aconteceu, mas na da minha mãe... (sim, é a mesma faxineira).

Se você encontrar explicação para o raciocínio circular-oblíquo das faxineiras por favor, publique! Ajudará bastante!

Aliás, você me inspirou um post. Obrigada! Depois dá uma olhadinha no meu blog.

Bjs

Júlia disse...

haha
Ótimo seu texto..ainda não tive experiencias desse jeito..mas minha mae reclamava mutio delas!!



abraços

Laeticia disse...

Olha, eu pasto com faxineira, viu? Até que achei uma boazinha agora, que apesar disto já me queimou algumas peças de roupa que eu adorava. E só conversa sobre "pedidos" com meu marido porque tem medo de mim, pode? Mas como o Bola mesmo diz, eu devo estar superestimando a capacidade de pensar da moça. Definitivamente, faxineiras fazem parte do karma.

Renata disse...

Hahahahaha!! Mais perguntas para a coletânea das perguntas que jmais serão respondidas! Adorei o texto!
Beijão!

Anônimo disse...

eu acho que voces conhecem muito pouco sobre as faxineiras,estou trabalhando a 2 anos e as minhas patroas adoram o meu serviço o que não explica essa generilização desculpe meu nome é josane

Anônimo disse...

E eu cheguei nesse blog atrás de uma solução para o meu relacionamento com minha faxineira sendo que esta é minha primeira faxineira, já vi que todos tem problemas com elas, muito interessante o que vc escreveu.

Anônimo disse...

não sei o que acontece com as faxineiraras, sempre estão irritadas, e fazem tudom de mau humor, pensam que ninguém tem problemas.

Anônimo disse...

Parece até que q algumas dessas pessoas q escreveram mal das faxineiras nasceram sabendo tudo... vcs ja pararam alguma vez pra pensar, se lá no trabalho onde exercem suas profissões alguém não ache de vcs a mesma coisa q falam sobre as faxineiras...Lembrem-se o UNICO perfeito no MUNDO morreu a séculos, então- Q JOGUE A PRIMEIRA PEDRA QUEM NUNCA ERROU...

Denise disse...

Boa tarde a todas! Exatamente pensando nesse problema com as faxineiras, estou pensando em abrir uma empresa de faxina especializada em residencias, com profissionais com curso tecnico, capacitadas e especialmente orientadas por mim, inclusive irei pessoalmente a casa das clientes para verificar o serviço. Assim as pessoas teriam a quem recorrer e não teriam problemas, porque todos os dias alguma amiga me pergunta se eu conheço alguma faxineira de confiança e acho muito dificil conseguir uma boa tb, até agora só consegui uma que atendeu as minhas expectativas... Gostaria de saber a opiniao de vcs, me mandem email resposta por favor. Att. Denise - denise_a_netto@hotmail.com

Lara disse...

Quem não tem problema com faxineira.... Estou vendo que essas raras criaturas que trabalham com amor como a Dona Leo não existem....
Já eu discordo de você quanto a faculdade de faxineira. Não é um curso que vai fazer as pessoas trabalharem com amor e honestidade. Além do mais, as bichinhas já são caras e não trabalham direito, imagine com cursos extras.
Arranjar uma faxineira ou empregada que trabalhe bem é como ganhar na loteria.
Bom só me resta ficar na esperança e no sonho de ganhar os dois, Loteria e uma boa faxineira.
Abraço,
Lara

Anônimo disse...

nossa como vcs são podres,e vc senhora fã de dona leo vc deve falar bem dela hj por q ela morreu,por q se ela ainda estivesse viva vc nem queria saber mais dela por ela ja ser uma senhora,vc devi morar em masão ou um apartamento enorme,e deve contratar uma faxineira uma vez por semana e exigindo que ela faça tudo em um dia só, vc deveria ter era faculdades pra essas madames metidas a besta como vc desse blog.vc ainda vai pegar uma arretada e colocar vc no seu lugar sua idiota.

Anônimo disse...

criatura lara será que vc é madame ou é uma pobre metida a besta...o que é caro pra vc.comprar uma bolsa de 100,oo reais,ou pagar 70,00reais a uma faxineira,pra bichinha da sua filhinha(O)andar respirar em um ambiente limpo cheiroso pelo menos uma vez por semana,e tem varias faxineiras boas com carate e faz as coisas com prazeres que sempre queres ver o sorriso e um agradecimento de suas patroas,e me diga sera que vc é perfeita no que vc faz nunca levou uma bronca de seu chefe(a)sera que vc nunca colocou sua cabeça no travesseiro e pensou sera que fiz tudo certo hj, sera que errei em algo.então reflita e imagina vc um dia de faxina,lavando passando tirando o pó dos moveis lavando banheiros limpando armarios lavando louça limpando os calçados seu,do seu marido e de seus filhos limpando vidros e etc...abraço e pensa em tudo isso e me fale o que é caro pra vc de verdade.abraços.

Anônimo disse...

Não querendo desrespeitar, mas já desrespeitando eu não concordo com esses comentários bestas e idiotas sobre as faxineiras. Eu tenho uma faxineira que não tem nem palavras, ela não é somente boa e nem ótima, ELA É EXCELENTE! Faz um trabalho perfeito que eu nunca vi igual, e nunca fica ai de cara virada ou emburada, sempre faz a faxina cantando e alegre, não é atoa que as pessoas vivem ligando querendo contrata-lá. Ela dá duro dia a dia, assim como as demais que ficam limpando sujeira dos outros dia a dia, vcs acham que é fácil? pq vcs não limpam sozinhas já que reclamam tanto! VÃO APRENDER A DAR VALOR PRA ESSAS PESSOAS QUE GANHAM UMA MISÉRIA E NÃO PARAM UM SEGUNDO DE TRABALHAR, E PARAR DE RECLAMAR, PQ QUEM NÃO GOSTA DE TRABALHAR SÃO VCS QUE QUEREM TUDO DE MÃO BEIJADA. APRENDAM A ELOGIAQR E NÃO SÓ CRITICAR, DE CRITICA O MUNDO TÁ CHEIO.

QUE DEUS ABENÇOE A VIDA DE VCS COM MAIS AMOR, PAZ, SABEDORIA E PRINCIPALMENTE COM JESUS CRISTO NO CORAÇÃO!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...