domingo, 21 de outubro de 2007

Críticas

Nem sempre é fácil ouvir e aceitar críticas. Ainda mais quando está se esforçando para fazer o melhor... Porém muitas vezes as críticas devem ser bem vindas, analisadas e utilizadas para, quem sabe, um aperfeiçoamento.

Há muito tempo ouvi de uma professora que a primeira coisa que devemos fazer quando ouvimos um julgamento é conceituar a pessoa que o fez, a importância que ela tem para nós. Às vezes é um gesto de censura que deve ser simplesmente ignorado.

Existem pessoas que não perdem tempo em criticar. Tudo precisa ser revisado, nada está bom, nunca... A cobrança com os outros é sufocante. E algumas vezes essas mesmas pessoas são relutantes em ouvir qualquer opinião, principalmente quando é sugestão de mudança.

Também existem pessoas que não conseguem ouvir uma crítica sem se sentirem ofendidas.
Não é fácil, mesmo quando se tenta fazer o bem, criticar. Mas alguns pontos devem ser considerados. O tom de voz, a compreensão claramente expressada e um local reservado certamente são cruciais...

Em qualquer relacionamento, seja afetivo seja no trabalho, alguns ajustes precisam ser feitos. E a melhor forma de se fazer é através do diálogo. Que essas concessões sejam feitas em clima de paz!


Aline: Professora de educação física e mãe em tempo integral, veterinária não atuante... Fiz trinta anos em 2006. Casada, dois filhos lindos (claro!!!! rsrs). Adoro contemplar o mundo e perceber que existe esperança, beleza, alegrias.



5 comentários:

SM disse...

Muito verdadeiro esse post!
Crítica não é sinônimo de ofensa. Engana-se tanto quem se sente ofendido por uma crítica quanto quem a usa para ofender alguém.

Beijoca!

Angel disse...

As críticas são importantes para o nosso crescimento, principalmente aquelas feitas em clima de paz como vc disse. Mesmo que não seja alguém íntimo, pode ser alguém disposto a ensinar, educar e isso é bom.
Bjos!

Sisa disse...

Oi Aline,
Eu tenho um pouco de dificuldade pra lidar com críticas, mesmo que positivas. Mas se elas são positivas eu simplesmente tento colocar em prática. Mas crítica só por criticar ou puxar o tapete da gente me transtorna, muito mais do que deveria. Seria bem melhor entrar por um ouvido e sair pelo outro né?

Paula disse...

Muito bom seu texto, Aline!
Crítica é um ponto delicado mesmo, porque o ser humano, em geral, é extremamente egoísta para aceitar que pode e (ou) precisa melhorar e que alguém pode estar bem intencionado...
Eu aceito razoavelmente bem críticas, mas só as faça em último caso rs!
Beijos.

Laeticia disse...

Eu nunca tive muito problemas em ser criticada. O problema é quando sinto que a crítica veio como ferramenta pra me diminuir e não pra ajudar a melhorar. Nestas horas eu tendo a ser extremamente agressiva e acabo usando do mesmo instrumento baixo pra me defender do ataque. Só que muitas vezes só eu que estou achando que o outro quer me diminuir, mas aí quando olho em volta e pergunto a alguém se eu estava realmente sendo agredida e ouço um não, me dá vontade de sumir no mapa logo depois de ir lá pedir desculpas. Que lástima.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...